01.ARQUIVOS | 02. LINKS | 03. CONTACTO

arquivo do mês: [10, 2009]

declaração de esperança

away2

verona: this place is perfect for us. don’t you think?
burt: i hope so. i really fucking hope so.

[away we go ~ sam mendes, 2008]

um bom filme indie – pretensioso e cliché nas doses certas.

declaração de intenção

away1

i will love you.
even if you gain so much weight
that I can’t find your vagina.

[away we go ~ sam mendes, 2008]

isto não é um blog político

E não vamos confundir o que é lazer com cultura. Nos sectores que se dizem intelectuais, de esquerda, confundem tudo. Como eu costumo dizer, alguém pega numa viola, toca três acordes e aquilo é cultura…

rui rio à conversa com artur santos silva no guarani, público 07/out/09.

(more…)

inventário

moleskinerie

acumulam-se nas estantes, na mala a tiracolo, na algibeira dos jeans. neste momento são à volta 26 cadernos (esqueço sempre de alguns), a maioria moleskines: 4 cahiers pautados 19x25cm com resumos do exame final de curso; 2 cahiers lisos 13x21cm com apontamentos do estágio na ilha, agenda diaria 2006, agenda semanal 2007, agenda semanal edição vermelha 2008, agenda plano mensal 12meses 2009, caderno de bolso vermelho com recortes e desenhos avulsos, caderno preto de bolso liso com mais recortes e outros tantos rabiscos, caderno preto de bolso japones com mais recortes, caderno preto de endereços de bolso usado para guia de emergencia este ano, caderno preto de bolso liso usado como guia de urgência durante o tempo que estive na ilha, portfolio preto 13x21cm com recordações e bilhetes teus mylobe, caderno de bolso informações de viagens em território nacional, caderno de bolso reporter pautado com histórias de psiquiatria, caderno watercolour de bolso oferecido a ela, cadernos de bolsoazuis de capa mole ainda por usar, caderno de bolso da muji comprado na última viagem, moleskines city london, barcelona, berlin….

extinção

lembro-me da primeira vez que te vi
– a minha língua dormente.
– o corpo paralisado.
– o coração inquieto.
pode parecer ingénuo, mas é verdade:
fazia tudo por ti.

mas,
este corpo extingue-se
fixa o meu rosto.
não haverá mais depois de mim.

[versão livre de genesis 30:3 ~ the mountain goats, 2009]

auto-retrato

eu não vou ficar melhor, mas um dia serei livre
porque eu não sou deste corpo que ocupo.

[versão livre de isaiah 45:23 –  the mountains goats, 2009]

no teu colo

colo

londres, set 09 / porto, out 09

oporto magazine

omag

o porto, aqui.

a terra

a terra acaba aqui
além é só mar – e vento.
a terra acaba aqui
com ela tudo o que eu intento.

pedro da silveira

se aquela rua* fosse minha

acabava com os mercadinhos; aqueles que juntam as sapatilhas em saldo da marques soares com o urban craft da senhora de cabelos verdes.

*cândido dos reis.

§ Seguintes »