01.ARQUIVOS | 02. LINKS | 03. CONTACTO

arquivo do mês: [03, 2008]

um ataque cardíaco

walser tenta perceber se a separação brutal entre o funcionamento do seu coração e o funcionamento do motor da máquina não é algo semelhante à separação entre o coração de um homem e esse mesmo homem. tinha lido que um ataque cardíaco não mortifero era relatado assim: o órgão afasta-se de nós, a grande velocidade… mas depois regressa.

o coração afasta-se do resto do corpo. afasta-se, esta palavra era fundamental. havia uma distância percorrida nos acidentes cardíacos, uma distância percorrida internamente: um dos orgãos essenciais afastava-se, caminhava no sentido oposto ao resto do corpo.

[página 58~ a máquina de joseph walser, gonçalo m. tavares]

Filmes vistos em Março

>> DVD

amores perros ~ alejandro gonzález iñarritu, 2000 ****

cassandra’s dream ~ woddy allen, 2007 ****

les chansons d’amour ~ christophe honoré, 2007 ****

edward scissorhands ~ tim burton, 1990 *****

30 days of night ~ david slade, 2007 *

>> CINEMA

love in the time of cholera ~ mike newell, 2007 **
(lusomundo norteshopping, porto)

como estás?

leschansos.jpeg

[les chansons d’amour ~ christophe honoré, 2007]

mixtape 08: almost

mixtape_oito.jpg

1. eat yourself [goldfrapp]
2. in the hot, hot rays [fleet foxes]
3. dragonfly pie [stephem malmus]
4. i should have know better [she&him]
5. the flame that burns [isobel campbell & mark lanegan]
6. hurricane [jammie lidell]
7. after hours [we are scientists]
8. cobwebs [animal collective]
9. shadow of lies [joseph arthur]
10. weather to fly [elbow]
11. ships and clouds [jim noir]
12. take me home [guillemots]

12 músicas, 44.34 minutos, 65.9mb (ouvir no muxtape; download em breve).

a partir de agora todas as mixtapes ‘versão livre’ estarão alojadas temporariamente (até sair uma nova) no muxtape (a grande revolução nas playlists digitais), havendo sempre uma versão para download em podcast como até agora.

A felicidade é um mecanismo 2

veja esta fábrica: estamos perante o espanto sobrenatural. tudo é tão estupidamente previsível nestas máquinas que se torna surpreendente; é o grande espanto do século, a grande surpresa: conseguimos fazer acontecer exactamente o que queremos que aconteça. tornámos redudante o futuro, e aqui reside o perigo.

se a felicidade individual depende destes mecanismos e se torna também previsivel,a existência será redundante e desnecessária: não haverá expectativas, luta ou pressentimentos.

[página 17 ~ a máquina de joseph walser, gonçalo m. tavares]

A felicidade é um mecanismo 1

a felicidade foi já reduzida a um sistema que as máquinas entendem, e no qual podem participar e intervir. já nenhuma felicidade individual é independente da tecnologia, amigo walser. se quiser números, podemos brincar aos números: a felicidade individual de um dia depende, vá lá, 70% da eficácia material das máquinas. que a felicidade invisível esteja submetida a uma felicidade concreta, a uma felicidade de materiais em diálogo, de peças metálicas que encaixam umas nas outras e resolvem problemas fazendo determinadas tarefas, como tal pode parecer estranha; mas é o século.

ser feliz já não depende de coisas que vulgarmente associamos à palavra espírito. depende de matérias concretas. a felicidade humana é um mecanismo.

[página 16 ~ a máquina de joseph walser, gonçalo m. tavares]

Ont’agora

expressão micaelense (pelo que a minha irmã diz e ela que mora nas ilhas de baixo) que deriva da conjugação dos advérbios de tempo ‘ontem‘ e ‘agora‘, referindo-se a um passado muito recente (não ultrapassando, pelo menos, a metade de um dia).

sobre as mentiras

mentiras.jpeg

costumam ter pernas curtas.

#vinte e um. caderno vermelho.

a cada instante

gosto de ti a cada instante, mesmo que não sejas minha
gosto de ti a cada instante, my lobe.

– num destino e num caminho partidos,
não me conseguirias perder mesmo que tentasses.

[versão livre de saltwater ~ beach house]

pietà de sangue, 2

tim_b.jpeg

muita procura depois, o melhor plano da melhor cena do filme.
[sweeney todd ~ tim burton, 2007]

~ boa páscoa.

« Anteriores §